Eventos

GOVERNO DE SP promove 1ª Jornada Estadual de Conscientização do Autismo

GOVERNO DE SP promove 1ª Jornada Estadual de Conscientização do Autismo

Evento no Dia Mundial de Conscientização do Autismo promoveu palestras de especialistas e anúncios para a comunidade com Transtorno do Espectro Autista

Para celebrar o Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo, o Governo de São Paulo, por meio da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, promoveu nesta terça-feira (2) a primeira edição da Jornada Estadual de Conscientização sobre o Autismo com a participação de autoridades públicas e de especialistas e pesquisadores das principais universidades paulistas. 

“Este evento marca um momento crucial na nossa jornada para uma sociedade mais inclusiva e consciente. Ao falar sobre o autismo, não apenas promovemos a compreensão e o respeito pelas diferenças, mas também destacamos a importância de apoiar e valorizar cada indivíduo em sua singularidade. A primeira Jornada Estadual de Conscientização sobre o Autismo é uma oportunidade ímpar para unirmos forças, compartilharmos conhecimentos e trabalharmos juntos na construção de um futuro mais acolhedor para todos”, disse o secretário de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Marcos da Costa.

A professora Eloísa Valler Celeri, da Unicamp, palestrou sobre o tema “Cuidado integral ao indivíduo com Transtorno do Espectro Autista (TEA)”. Na sequência, o professor Celso Goyos, da UFSCar, falou sobre “A importância do ensino de linguagem falada para a criança com TEA”. Encerrando as apresentações, a professora Vera Capellini, da Unesp, debateu a “Inclusão do aluno com TEA no contexto da Educação Básica”.

O Governo de São Paulo também anunciou novas iniciativas para ampliar e aprimorar o atendimento à comunidade com TEA. A primeira delas é uma identificação veicular oficial para sensibilizar os motoristas sobre os efeitos que a poluição sonora pode provocar nos indivíduos com TEA. Com a frase “Pessoa com Autismo a bordo. Seja gentil, não buzine”, a credencial pode ser solicitada gratuitamente no portal da CipTEA (https://ciptea.sp.gov.br/).

A segunda é a disponibilidade do manual “Transtorno do Espectro Autista: Diretrizes para o Ensino Fundamental e Médio” elaborado pela Coordenadoria de Ações Afirmativas, Diversidade e do Laboratório de Tecnologias para o Desenvolvimento e Inclusão de Pessoas da Unesp. Disponível também para download no endereço www.pessoacomdeficiencia.sp.gov.br, o documento será usado na rede estadual de ensino e aborda temas como a definição de TEA, a vivência escolar dos estudantes autistas, orientações educacionais e recomendações aos professores.

Na área de atendimento, uma resolução conjunta das secretarias estaduais dos Direitos da Pessoa com Deficiência e da Segurança Pública autoriza a formação de um grupo de trabalho dedicado à expansão do serviço de equoterapia – terapia assistida por cavalos – em todo o território paulista. O objetivo é avaliar as ações de concepção, formação e ampliação do programa.

"Temos muito orgulho do que estamos fazendo, sob a liderança do governador Tarcísio de Freitas, para as pessoas com autismo. Em um ano, já são 45 mil pessoas beneficiadas com a Carteira de Identificação da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista, a CipTEA. Iniciamos um processo contínuo de inclusão das pessoas com autismo e conscientização da sociedade. Nesse sentido, a Jornada Estadual de Conscientização sobre o Autismo é mais um grande passo que a gestão paulista dá para integrar cada vez mais a comunidade com autismo no debate público", disse o vice-governador Felicio Ramuth.

Outras notícias

Site Desenvolvido por
Agência UWEBS Criação de Sites